Páginas

domingo, 29 de dezembro de 2013

Subfelicidade

"O que mais dói não é - desengana-te - a infelicidade. A infelicidade dói. Magoa.Martiriza. É intensa; faz gritar, sofrer, saltar, chorar. Mas a infelicidade não é o que mais dói. A infelicidade é infeliz - mas não é o que mais dói. 
O que mais dói é a subfelicidade. A felicidade mais ou menos, a felicidade que não se faz felicidade, que fica sempre a meio de se ser. A quase felicidade. A subfelicidade não magoa - vai magoando; a subfelicidade não martiriza - vai martirizando. Não é intensa - mas é imensa; faz gritar, sofrer, saltar, chorar - mas em silêncio, em surdina, em anonimato. Como se não fosse. Mas é: a subfelicidade é. A subfelicidade faz-te ficar refém do que tens - mas nem assim te impede de te sentires apeado do que não tens e gostarias de ter. Do que está ali, sempre ali, sempre à mão de semear - e que, mesmo assim, nunca consegues trocar. A subfelicidade é o piso -1 da felicidade. E não há elevador algum que te leve a subir de piso. Tens de ser tu a pegar nas tuas perninhas e a subir as escadas. Anda daí." - Pedro Chagas Freitas 

Vodka Morango

bem longe

"Onde é que gostarias de viver?
No local mais distante de mim." - Pedro Chagas Freitas

Vodka Morango

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

enganos do coração


Os dias passam e já começo a sentir a tua ausência, mesmo continuando a ter-te comigo.

Vodka Morango

deixas?


Gostava de regressar de novo para a tua vida com o papel que tivera antes

Vodka Morango

REBENTAR


Tenho o coração na boca e junto com ele, tudo o que ele tem lá guardado para te dizer.

Vodka Morango

nem sempre é teu amigo


Tem só cuidado com uma coisa: com o tempo. Pode já ser tarde demais para vires correr atrás daquilo que deixaste para trás, faz um tempo. 

Vodka Morango

por entre silêncios


A cada dia que passa, mais são as vezes que chamo por ti em silêncio.

Vodka Morango

ausência


Dia após dia sinto a tua presença diminuir na minha vida.

Vodka Morango

domingo, 22 de dezembro de 2013

sentimento de falta


Vodka Morango

...

Só não queria ver-te ir embora...

Vodka Morango 

reflexos

"o modo de como uma pessoa trata outra pessoa, é o reflexo directo de como ela se sente consigo mesma."

Vodka Morango

move on?

Se ele sentir a tua falta, ele vai ligar. Se ele se importar contigo, ele vai demonstrar. Se ele quiser, ele vai fazer. Se ele não fizer, não aches que o problema é teu. Apenas pára de gastar o teu tempo com ele, porque ele com certeza não quer gastar o tempo dele contigo.

Vodka Morango

everything


Vodka Morango

a big war




Vodka Morango


por favor

Por favor decide-te! Ou ficas ou vais, mas estares a dar cabo de mim desta maneira é que não. Ires e vires desta forma, acaba comigo e com a minha tentativa de lutar por ti.

Vodka Morango

sem explicar tudo

"Quando escrevo, sinto um alívio, a minha dor desaparece, a coragem volta. Mas pergunto-me: escreverei alguma vez, coisa com importância? Virei a ser jornalista ou escritora? Espero que sim, espero-o de todo o meu coração. Ao escrever sei esclarecer tudo, os meus pensamentos, os meus ideais, as minhas fantasias." - O diário de Anne Frank


Vodka Morango

empty

Estou vazia.

Vodka Morango

illusions



Vodka Morango

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

egoísmo

“És a melhor maneira de viver. Podia dizer-te que te quero por tudo o que és. Mas estaria a mentir. Quero-te por tudo o que sou contigo. Quero-te pelo que sou. Porque me sinto, em ti, a pessoa que quero ser. És a minha melhor maneira de viver. Quero-te por egoísmo. É isso. Quero-te por egoísmo. Espero que me queiras pelo mesmo motivo.” - Pedro Chagas Freitas

Vodka Morango

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Bichinho !

Não existe apenas uma pessoa certa para cada pessoa. O que acontece é que nós só temos tempo para encontrar uma pessoa que encaixe total ou, pelo menos, parcialmente connosco. E há muita gente que nem sequer consegue encontrar uma dessas pessoas. Parece que só têm pontaria para as pessoas menos certas que no fundo acabam por preencher as almas alheias, mas não completamente. É preciso saber reconhecer as pessoas, mas se nunca sentimos a nossa alma e o nosso coração completos antes, como é que vamos saber se já está ou não? É complicado, mas ainda assim, há quem consiga. Eu gostava muito de conseguir isso por uma questão de poupar o meu coração. Ele já começa a ficar farto de pessoas erradas, que acabam por habita-lo da maneira errada e de o usar como bem querem. E isto não é assim, porque ele precisa de alguém que saiba perfeitamente como tratá-lo, como agarrar nele e molda-lo como é preciso. É tudo uma questão de jeito, jeito e amor. É pena ser tão raro ter as duas coisas juntas numa só pessoa, se não, eu já tinha a minha história na mão de muitas crianças para que elas vissem que sim, o amor existe. Com o passar dos anos, o conceito de amizade mudou drasticamente apesar de já ter passado a ser normal conviver com esse novo conceito. Cada vez menos se percebe que existem os conhecidos e os amigos e que são dois núcleos de pessoas muito diferentes. Desde quando é que podemos ir a correr à beira de um conhecido nosso enquanto choramos entre soluços e ele nos ajuda incondicionalmente? Isso não existe. Já com os amigos podemos nem sequer ir ter com eles que eles percebem que algo se passa. Sim, para mim és uma amiga. Não porque temos redes sociais ou o número de telefone uma da outra e por dizermos Olá e Estás muito gira na fotografia, mas sim porque nos ajudamos uma à outra sem esperarmos nada em troca. Essa é a verdadeira essencia da amizade. E quando digo que nunca me deixaste sozinha é no verdadeiro sentido da palavra. Enquanto hoje em dia se diz gosto muito de ti só para ficar bem e mostrar que se é muito popular, nós não somos isso. Somos sinceras e apesar de toda a inveja, não arredamos pé da vida uma da outra, deixando o sentimento enraizado nos nossos corações. Não te vou dizer que vamos ser amigas para sempre, porque isso seria estar a ironizar o verdadeiro sentido do sempre, mas posso-te prometer que serás uma amiga para toda a vida. Tal como tantas outras vezes já te disse, não te quero perder, mas se perder, não te esqueças de que vou estar à tua espera. Gosto imenso de ti e é tudo o que te sei dizer.


Vodka Morango 

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

amor = amor

O nosso amor é de papel como as florese que me deste, e no papel há-de ficar, para sempre escrito nas minhas palavras. E se vier a transformar-se em qualquer outra coisa, será sempre numa outra forma de amor: o papel vem das árvores, mas o amor vem do amor e nunca morre, mesmo depois de cortado, prensado e transformado. Amar é como plantar uma semente e tu já plantaste a tua no meu coração - MRP



Vodka Morango

e agora?





Vodka Morango

you'll always be my dream

















Vodka Morango