Páginas

quarta-feira, 12 de março de 2008

Enfim (...)

Guardei-te em mim . Guardei cada pedaço , cada momento , cada característica própria e única . Hoje , existem mudanças acentuadas que me obrigas-te a tomar , mas contudo , guardo ainda um pouquinho de ti . Embora o tempo e a distância tenham dissipado muitas das coisas que antes prendia no meu interior , ainda existe algo que permanece ... Guardo-lo-ei para sempre .

Vodka Morango

2 comentários:

Vodka Limão e Vodka Morango disse...

É bom guardar tudo o que temos ou o que tivemos. Então se for para sempre, ainda melhor.


Vodka Limão

Winter Orchid disse...

Têm um blog super fixe, suas bêbadas!
Bjuuh